Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Teste do 8º Ano - Abril

Mäyjo, 30.04.09

Para quem aqui vem, em busca de alguma coisa que o(a) possa ajudar, e não é meu aluno, estas são as questões do teste do 8º Ano, sobre o tema das Áreas de fixação humana (cidades).

 

 

 

 

 

1- As cidades não se distribuem ao acaso pelo território.

1.1- Sublinha, na lista abaixo, os factores responsáveis pela localização das cidades.
matérias-primas;      vias de comunicação;      lugar sagrado;      profundidade do oceano;
nível cultural;      fluxos de pessoas e bens;      relevo;      pressão atmosférica;      vegetação
 
 
 
2- A partir do Quadro 1, estabelece as relações entre os critérios de definição de cidade e aspectos que os definem.

I
Critérios demográficos
 
A
actividade económica centrada nos serviços e indústria
 
D
um valor mínimo de habitantes por aglomerado
II
Critérios funcionais
B
densidade populacional elevada
E
grande densidade de vias de comunicação e de tráfego
III
Critérios morfológicos
C
tipo e dimensão dos edifícios
F
serviços públicos, como hospitais, teatros, comércio variado

QUADRO 1

I ___   ___
II ___   ___
III ___   ___

 
 
2.1- Define cidade de um do ponto de vista abrangente, misturando os diferentes critérios.
 
 
 
3- Faz corresponder as características apresentadas na coluna A ao respectivo tipo de aglomerado da coluna B, de forma a distinguir as características do Espaço rural das características do Espaço urbano.
 

Coluna A
 
Coluna B
1. predomínio de emprego na indústria e serviços;
2. habitações plurifamiliares;
3. predomínio de habitações unifamiliares;
4. predomínio de actividades do sector primário;
5. reduzida rede de transportes públicos;
6. escassos locais de lazer e de actividades culturais;
7. reduzida rede de infra-estruturas;
8. grandes densidades populacionais;
9. grande diversidade de equipamentos.
A. Aglomerado rural.
 
 
B. Aglomerado urbano.

 
3.1- Coloca, nos espaços, os números das características relativas a:
A. Espaço rural__________________________________________
B. Espaço urbano________________________________________
 
4- O texto refere-se a dois modos de vida distintos.
 
Portugal: de rural a urbano
É conhecido que Portugal é um país de urbanização tardia. Há trinta anos, dois em cada três portugueses viviam em meio rural. Hoje inverteu-se essa relação. Passámos de um modo de vida predominantemente rural para um modo de vida dominantemente urbano.
Hoje mais de 70% da população portuguesa vive ou trabalha nos centros urbanos.
Portal do Governo, Junho de 2005 (adaptado)
 
4.1- Compara o modo de vida rural com o modo de vida urbano, mencionando duas características que os distingam.
 
 
5- Lê atentamente o texto sobre urbanização.
 

Metade da humanidade vai viver
em cidades em 2008
 
 Num dia ainda não bem determinado de 2008, metade da população do mundo viverá em cidades. Mas um sexto de todos esses citadinos (1,1 mil milhões de pessoas) habitará bairros de lata sem quaisquer condições de salubridade.
        A escala da urbanização não tem precedentes. Passámos de aproximadamente 10% da população mundial a viver em cidades em 1900 para cerca de 50% hoje, e, se a tendência continuar, 70% viverão em cidades nos próximos 20 a 30 anos.
Diário de Notícias, Janeiro de 2007

 
5.1- Dá uma definição de taxa de urbanização.
5.2- Justifica o crescimento da população urbana.
5.3- Refere os continentes a que pertencem as cidades cuja população, em 2015, será superior a 17 milhões de habitantes.
 
 
6- O texto refere-se à cidade de Belo Horizonte no Brasil.

Belo Horizonte
      Belo Horizonte foi a primeira cidade brasileira moderna planeada. Elementos-chave do seu traçado incluem uma malha perpendicular de ruas, (…) quarteirões de dimensões regulares, visadas e privilegiadas, e uma avenida em torno do seu perímetro (Avenida do Contorno). Outro aspecto interessante do projecto original é a abundância de parques e praças, com um grande parque municipal na área central.   
        A cidade é o principal centro de distribuição e processamento de uma região com importantes actividades de agricultura e exploração mineira, bem como um importante pólo industrial. Belo Horizonte também é um importante centro cultural, com grandes universidades, museus, bibliotecas, espaços culturais e uma das mais animadas vidas nocturnas do país.
Fernando Pimentel, www.qeeventos.com.br, Novembro de 2006

 
6.1- Identifica o tipo de planta descrito no texto.
6.2- Justifica a resposta dada à questão anterior.
6.3- Menciona os outros dois tipos de plantas urbanas que conheces.
6.4- Refere a designação dada à parte central de qualquer cidade, como aquela que é possível observar na fotografia de Belo Horizonte.
6.5- Enumera duas características do sector da cidade referido na resposta à questão anterior.
6.6- Indica outras duas áreas funcionais das cidades além da já referida na resposta anterior.
 
 
7- A cidade e o campo estabelecem importantes relações de complementaridade.
7.1 - Dá exemplo de 2 bens ou 2 serviços oferecidos pela cidade.
7.2- Dá exemplo 2 bens fornecidos pelas áreas rurais e/ou áreas urbano-industriais.
7.3- Explica as relações de complementaridade que se estabelecem entre a cidade e o mundo rural.
 
 
 
8- Lê atentamente o texto relativo à pobreza nos centros urbanos.

A Urbanização e a Pobreza
        Pode encontrar-se a pobreza em cidades de todo o mundo. Mas, nas cidades do mundo em desenvolvimento, é mais profunda e mais generalizada. Uma criança nascida numa cidade de um dos países menos avançados tem 22 vezes mais possibilidades de morrer antes dos cinco anos de idade do que uma criança nascida numa cidade de um país desenvolvido.
        Nos países mais ricos, menos de 16% do total das famílias das zonas urbanas vive na pobreza.   Mas,   nas
zonas urbanas dos países em desenvolvimento, 36% das famílias e 41% dos agregados familiares cujo chefe é uma mulher vivem com rendimentos que se situam abaixo do limiar de pobreza definido a nível local. A urbanização e feminização da pobreza fizeram com que mais de 1000 milhões de pobres vivam em zonas urbanas sem habitação adequada nem acesso aos serviços básicos.
Nações Unidas, O Milénio Urbano, 2001

 
8.1- Menciona três problemas existentes nas cidades.
8.2- Propõe outras tantas medidas destinadas a atenuar, ou até a solucionar, os problemas que referiste na resposta à questão anterior.
8.3- Refere o grupo de países em que os problemas das cidades são mais acentuados.

Exercício para o 10º Ano

Mäyjo, 28.04.09

Estava à procura de uma imagem para ilustar a dúvida do David e encontrei este exercício que achei interessante:

 

 

As figuras 2A e 2B representam a situação meteorológica no dia 20 de Novembro de 2007, através de uma imagem de satélite e da carta sinóptica de superfície, referentes à mesma área.

 

Fonte: www.inm.es, 20/11/2007, 12horas

Figura 2A - Imagem de satélite

 

Fonte: www.wetterzentrale.com

Figura 2B - Carta sinóptica de superfície

 

Num centro de pressão como o assinalado pela letra X na figura 2B, a circulação do ar é...

X.1

convergente e descendente.

X.2

convergente e ascendente.

X.3

divergente e ascendente.

X.4

divergente e descendente.

 

divirtam-se a pensar!!!!

A propósito de milagres...

Mäyjo, 23.04.09

 

Às vezes pedem-me milagres.
Às vezes faço-os.
Outras vezes, não consigo. Foi o caso de hoje. E tinham-me pedido tanto... O que vale é que nunca os prometo.

Ficha de trabalho para o 8ºAno e respectiva proposta de correcção

Mäyjo, 23.04.09

 

«A cidade é uma aglomeração duradoura.
Pode-se também definir uma cidade pelo seu aspecto exterior, que não é uniforme. A cidade é uma aglomeração importante, organizada para a vida colectiva.., e onde uma parte da população vive de actividades não agrícolas».
M. Derruau
Tratado de Geografia Humana
 
1-       Identifica os sectores de actividade predominantes na cidade.
 
2-       Refere uma actividade incluída em cada um deles.
 
3-       Associa cada uma dessas actividades a uma função urbana.
 
4-       Cita a designação dada ao modo como as funções urbanas se organizam dentro de uma cidade.
 
 
 
As cidades existem há milénios. Alguns dos problemas com que nos defrontamos hoje em dia já se colocavam provavelmente aos habitantes de Ninive e de Babilónia e, sem qualquer dúvida, aos de Roma e de Alexandria. Contudo, as metrópoles eram na altura tão raras que pode dizer-se que constituem um fenómeno contemporâneo.
Ainda no séc. XVIII, o filósofo David Home defendia que nenhuma cidade comportaria no futuro mais de 700.000 habitantes. Por seu lado, William Pelter estava convencido de que Londres atingiria um máximo de 5 milhões de habitantes. Mais realista, Julio Verne (1828-1905) imaginou cidades que poderiam atingir os 10 milhões de habitantes. Ora o crescimento demográfico das cidades ultrapassou, na actualidade, todas aquelas previsões.
As casas familiares foram substituídas por imóveis que podem alojar 200 ou mais pessoas, as ruas foram invadidas por viaturas e transeuntes, a densidade demográfica das concentrações urbanas cresce de modo incontrolável e os problemas de circulação, de ruído e mesmo de segurança começaram a pôr-se com maior acuidade.
Grandes avenidas, viadutos, passagens de diferentes níveis definem o tecido urbano e o homem acaba por se asfixiar perdido e ignorado no meio das massas anónimas.
Texto adaptado de
Correio da Unesco— Março 1985
 
1-       Refere o indicador usado para calcular a quantidade de pessoas que vivem em cidades.
2-       Apresenta o modo de calcular esse indicador.
3-       Hoje em dia as cidades não param de crescer. Aponta as razões para esse grande crescimento.
4-       Esse crescimento, muitas vezes descontrolado, trouxe problemas.
4.1- Identifica dois problemas das cidades.     
4.2- Aponta uma solução para cada um dos problemas que referiste na questão anterior.
 
Bom trabalho!
 
 
CORRECÇÃO
 
1- Secundário e terciário.
2- Operário fabril e cabeleireira.
3- Função industrial e serviços pessoais.
4- As funções urbanas organizam-se em áreas funcionais.
 
1- Taxa de urbanização.
2-  
3- O êxodo rural, o forte crescimento natural e a concentração espacial das actividades, resultante da industrialização e da terciarização do espaço urbano.
4.1- Trânsito e criminalidade
4.2- Transportes públicos mais eficientes, criação de redes de apoio social.

Pág. 1/3